//Vinho para Bacalhau de Coentrada

Vinho para Bacalhau de Coentrada

Quinta do Lagar Novo branco 2018 da Quinta com o mesmo nome, em Alenquer (Vinhos de Lisboa).

Sabendo da preferência do Chefe Silva por bacalhau, Filipa Vacondeus dedicou-lhe este prato para constar da biografia editada em 2008.
Filipa Vacondeus faleceu a 6 de janeiro de 2015, meses antes da morte do amigo Chefe Silva.
A CVR de Lisboa propõe para esta iguaria:

A frescura e acidez da Arinto, as notas de flores brancas da Marsanne e os aromas florais e frutados típicos da Viognier conjugados neste branco são, no seu conjunto, as características ideias num vinho recomendado para o bacalhau de coentrada com queijo de ovelha da célebre cozinheira Filipa Vacondeus.

Quinta do Lagar Novo branco 2018

Ficha Técnica
CASTAS – Arinto / Marsanne / Viognier / Chardonnay
VITICULTURA – Vinha com 15 anos de idade, plantada em solos de origem argilo-calcária.
VINIFICAÇÃO – Desengace total, decantação a frio em 48h, Prensagem gentil. Fermentado com leveduras indígenas (da nossa vinha), em cubas de inox à temperatura de 13-15ºC.
NOTAS DE PROVA – Vinho com muito boa acidez e equilibrado. Apresenta cor citrina, aroma frutado, com notas de lima, fino com alguma complexidade, lembrando chá verde e frutos exóticos muito frescos. O sabor é intenso, com muito boa acidez.

Quinta do Lagar Novo
A antiga casa do Lagar de Fuso e Vara deu origem à Quinta do Lagar Novo em 1742, conforme data inscrita na guarita de fixação de uma das varas. A quinta foi adquirida pela família Elias Gonçalves de Carvalho e é no presente, património de um dos ramos da segunda e terceira geração.
www.quintalagarnovo.pt

Patrocínio

Para conhecer a receita deste Bacalhau de Coentrada:

https://jornalsabores.com/bacalhau-de-coentrada/