//‘Torrão Doce’ concorre a Prémio de Turismo

‘Torrão Doce’ concorre a Prémio de Turismo

Pinhão, mel, arroz e azeite, são as ‘estrelas’ deste certame do concelho de Alcácer do Sal.

Depois de 2017 e 2019, a localidade de Torrão, sede de uma das freguesias do concelho de Alcácer do Sal, deveria ter recebido, no início deste mês de abril, a terceira edição do ‘Torrão Doce’, um certame em que o pinhão, o mel, o arroz e o azeite se destacam como produtos endógenos.

Os impedimentos infelizmente bem conhecidos, não permitiram a realização deste evento que nas duas edições realizadas mostrou um enorme potencial de atração de visitantes e de resposta dos produtores das mais variadas ofertas na área da gastronomia.

Esses resultados levaram a Câmara Municipal de Alcácer do Sal a candidatar o ‘Torrão Doce’ aos Prémios Turismo do Alentejo na categoria ‘Melhor Evento Gastronómico’ tendo em conta o seu contributo para a valorização e divulgação da doçaria conventual, com forte tradição no concelho.

Como refere nota do município “um dos doces mais apreciados e que tem grande expressão no Torrão são precisamente as Queijadas do Torrão, um dos doces conventuais mais antigos de Portugal. Existem registos de que terá sido D. Maria Teresa Coelho, filha de um padeiro do Torrão, a começar a vendê-las por volta de 1935/1940 com a ajuda das freiras do convento de Santa Clara, que lhe ensinaram o segredo daquele e outros doces conventuais. Essa ordem monástica foi uma das mais importantes a manter ao longo da Idade Média uma tradição culinária com origem no Império Romano. Em 1990 Palmira Carapinha, que trabalhou com D. Maria Teresa Coelho, deu continuidade à produção desses doces conventuais que continuam a ser fabricados de acordo com as receitas originais”.

A nota da autarquia refere ainda que o ‘Torrão Doce’ “incentiva os doceiros a continuarem a sua arte, preservando as receitas tradicionais e desafia-os a serem inovadores, criando e reinventando o uso dos produtos locais”, para além de promover e divulgar as potencialidades turísticas da região e criar condições para que os produtos regionais cheguem cada vez mais longe, dinamizando também a economia local.

O município concorre também à categoria ‘Melhor Prémio de Investimento Público’, com o Museu Municipal Pedro Nunes. Os Prémios Turismo do Alentejo vão na sua 10ª edição e são promovidos pela Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo.

Foto capa: Queijadas do Torrão