//The Folly: o novo hot spot de Estremoz

The Folly: o novo hot spot de Estremoz

Em pleno coração da histórica cidade alentejana, a adega urbana da Howard’s Folly abre as portas do seu restaurante.

Localizada no centro de Estremoz, a adega urbana da Howard’s Folly abriu no mês passado as portas do seu restaurante contemporâneo, The Folly. Esta abertura veio completar o projeto iniciado em 2018, que inclui adega, restaurante, bar, loja e galeria de arte numa cidade alentejana em plena expansão turística.

A criatividade artística é o tema transversal deste projeto, criado pelo empreendedor e colecionador de arte britânico Howard Bilton e o reputado e premiado enólogo australiano, David Baverstock (ex-enólogo chefe no Esporão), que junta vinho, arte e caridade sob o mesmo teto, com uma adega repleta de obras de arte, um restaurante contemporâneo e uma galeria de arte, através da qual apoia uma fundação para crianças e jovens carenciados.

A poucos metros do centro da cidade, inserido num edifício que parece um castelo caiado de branco, The Folly convida curiosos e apreciadores de vinho, residentes e turistas, a provarem os vinhos premium da Howard’s Folly, a tomarem um cocktail – naquele que é provavelmente o bar mais cool da cidade – e descobrirem a cozinha criativa do chefe Hugo Bernardo.

Na cozinha do restaurante The Folly, o Chefe Hugo Bernardo – apaixonado pela cozinha criativa e pelo heavy metal – reinventa pratos tradicionais portugueses com um toque moderno e colorido, todos eles pensados para serem partilhados.

Alguns exemplos: tábua de queijos da região e enchidos da famosa Salsicharia Canense da Dona Octávia (18€), petiscos como os croquetes de alheira com maionese de manjericão (4€) e um prego Alentejano (8,50 €). Os pratos principais incluem magret de pato com purê de beterraba (14,50€), ceviche de robalo (15€) e bife do lombo servido com lascas de batatas e legumes crocantes (14€). Para a sobremesa, doces e suculentos figos que complementam uma tarte de amêndoa (6€) nos meses de verão, uma mousse de chocolate coberta com pedaços de merengue de poejo (5€) e fruta da época transformada num delicioso crumble (7,50€). Tudo isto é harmonizado com os vinhos da Howard’s Folly (rosé, branco ou tinto), ou com uma seleção de vinhos de produtores locais, escolhidos pelo próprio David Baverstock.