//Soalheiro. do Japão aos Estados Unidos

Soalheiro. do Japão aos Estados Unidos

2017 tem sido um ano em grande para a Quinta de Soalheiro. Os prémios, nacionais e internacionais, marcaram o percurso da primeira marca de Alvarinho de Melgaço.

O reconhecimento chegou um pouco de todo o mundo: Japão, Alemanha, Noruega, Estados Unidos, Inglaterra pela imprensa especializada, por jornalistas de vinho de imprensa generalista, Sommeliers, Chefs e compradores. O reconhecimento nacional também não faltou por parte de todos aqueles que se reveem no espírito da equipa que constrói todos os dias este sonho. A pouco mais de um mês do final do ano, fazem a retrospetiva e definem os investimentos e estratégias futuras!

Entre os melhores produtores de vinho do mundo pela Wine & Spirits Magazine – “2017 top 100 Wineries” e “Top 100 Tasting & Road Show Invitation” pelo terceiro ano consecutivo, o Soalheiro conquistou ainda o estatuto de PME Lider, os ‘Os Melhores do Ano 2016’ pela Revista de Vinhos e Jancis robinson considerou Soalheiro Primeiras Vinhas 2016 no Top Ten dos vinhos Portuguese dos últimos dez anos.

Mark Squires, do The Wine Advocate – Robert Parker, deixou-se conquistar pelas dimensões do Primeiras Vinhas, do Allo, do Clássico e do Reserva. Diretamente de Nova Iorque, o Wine Enthusiast distinguiu o Terramatter e o Reserva nas versões 2015 e o Clássico e o Allo nas versões 2016. O Allo recebeu medalha de ouro pela Mundus Vinis 2017, um prestigiado prémio alemão. Duplo ouro e duas medalhas de ouro na edição 2017 do SAKURA – Japan Women’s Wine Awards, o maior concurso de vinhos no Japão, demonstraram a abrangência de paladares das dimensões Soalheiro. Os vinhos distinguidos com os mais importantes prémios pelas enófilas Japonesas foram o Soalheiro ALLO 2016, o Soalheiro Clássico 2016 e o Soalheiro Primeiras Vinhas 2015. A primeira marca de Alvarinho de Melgaço viu ainda o Soalheiro Clássico galardoado pela revista Alemã Selection Magazine, no Top Ten Geir Salvesen, galardoado com 4 estrelas, na categoria “Portugal: Our prowein-Nation of the Year 2017’ da Wine Tasting Competition – ‘Selection das Genussmagazin”, no TOP Riesling and Bourgundy, conquistou medalha de platina nas categorias ‘Melhor Vinho Branco do Mundo’ e ‘Melhor Alvarinho’ da Decanter World Wine Awards por 3 anos consecutivos. Na dimensão dos vinhos naturais, o Terramatter e o Nature “Pur Terroir” foram galardoados no International Organic Wine Award 2017.

Portugal também não ficou indiferente aos sabores da primeira marca de Alvarinho de Melgaço. A revista WINE classificou, nos “Melhores do Ano 2016”, o Primeiras Vinhas 2015. Já o Soalheiro Reserva, nas suas edições 2015 e 2016, o Prémio Excelência 2016 pela Revista de Vinhos e o ‘Prémio Vinho Grandes Escolhas 2017’ na categoria ‘Vinhos Brancos’, um prémio atribuído pela revista ‘Grandes Escolhas’.