//Penalva do Castelo – Queijo Serra da Estrela DOP
queijo serra da estrela DOP

Penalva do Castelo – Queijo Serra da Estrela DOP

O Queijo Serra da Estrela é um queijo curado, de pasta semi-mole. É obtido por esgotamento lento da coalhada após coagulação pela flor de cardo (Cynara Cardunculus, L.) do leite cru estreme proveniente de ovelhas de raças autóctones, a raça Serra da Estrela e/ou Churra Mondegueira, produzido na área geográfica delimitada de produção (Serra da Estrela). Possui um sabor e aroma suave, limpo e ligeiramente acidulado.

Tem um tempo mínimo de maturação de 30 dias, quando a maturação decorre durante um período mínimo de 120 dias, designa-se por Queijo Serra da Estrela Velho, este tem aroma e sabor agradável, persistente, limpo, de forte a ligeiramente forte e levemente picante e salgado.

Características particulares: O leite utilizado para a obtenção do Queijo Serra da Estrela DOP é proveniente de ovelhas criadas na serra que lhe deu o nome, com acesso a pastagens espontâneas.

queijo serra da estrela DOP penalva

Um pouco de história

O Queijo Serra da Estrela DOP é o mais antigo de todos os queijos portugueses, sendo reconhecido internacionalmente pelas suas características organoléticas.

Foi introduzido em Portugal pelo povo Romano. Já durante a Idade Média era mencionado nas letras do poeta Gil Vicente. Em 1287, o Rei Dom Diniz criou a primeira queijaria no concelho de Celorico da Beira, na região da Serra da Estrela. Este queijo representava uma nutritiva e duradoura fonte alimentar, sendo por isso utilizado pelos grandes exploradores durante as suas viagens. Em 1885 chega às cidades de Lisboa e Porto, aumentando a sua fama.

No concelho de Penalva do Castelo são produzidas anualmente dezenas de toneladas de Queijo. As ovelhas das raças “Serra da Estrela” ou “Churra Mondegueira “pastam em verdejantes prados, que são considerados como os melhores para a aptidão leiteira. A produção artesanal do Queijo Serra da Estrela é uma das potencialidades endógenas das terras de Penalva, além do Requeijão Serra da Estrela e do Borrego Serra da Estrela, com uma crescente procura por parte dos consumidores.

No segundo fim-de-semana de fevereiro, a Câmara Municipal promove a Feira/Festa do Pastor e do Queijo, com o propósito de homenagear os homens e mulheres que se dedicam à pastorícia.

Fonte: www.estrelacoop.pt

 

Harmonização

Para acompanhar este ex-líbris da nossa região, existem várias opções de harmonização com os excelentes vinhos produzidos pelos diversos produtores e engarrafadores do concelho.

O vinho do Dão é um produto de alto valor acrescentado e constitui uma das potencialidades endógenas do concelho de Penalva do Castelo. Nas encostas banhadas pelo rio Dão, que divide transversalmente o concelho, as vinhas beneficiam de especificidades climáticas, que, aliadas à riqueza dos solos, permitem a produção de vinhos de alta qualidade.

Penalva do Castelo localiza-se na zona mais a Norte da região do Dão, na sub-região de Castendo. Os vinhos de Penalva do Castelo possuem uma especificidade própria e uma qualidade que tem vindo a ser reconhecida através da atribuição de diversos prémios nos mais diversos certames nacionais e estrangeiros

Além da qualidade, nos últimos anos, no concelho de Penalva do Castelo, assistiu-se a um significativo aumento da quantidade, resultado do esforço de reestruturação de vinhas e da plantação de centenas de hectares de novas vinhas, com grande predominância das castas tradicionais e recomendadas.

Esta região produz, maioritariamente, Vinhos Tintos caracterizados por possuírem um teor alcoólico médio de 13º C, uma inimitável coloração rubi, corpo redondo e consistência aveludada na boca.

Já os vinhos brancos – também com um teor alcoólico médio de 12,5ºC – possuem, quando jovens, uma bela cor citrina, aromas frutados relativamente complexos, mas delicados, são frescos na boca e têm um final delicado e elegante. Na região Vitivinícola do Dão estão já individualizadas – por produzirem vinhos com personalidade própria – as sub-regiões de Alva, Besteiros, Castendo, Serra da Estrela, Silgueiros, Terras de Azurara e Terras de Senhorim.

Existem várias sugestões de vinhos de reconhecida qualidade, dos diversos produtores/ engarrafadores do concelho – Adega Cooperativa de Penalva do Castelo, Adega da Corga, Casa da Ínsua, Terras de Tavares (Quinta da Boavista), Quinta da Rebôtea, Quinta da Vegia e Tavfer Vinhos (Quinta do Serrado) – que poderiam aqui ser apresentadas para harmonizar com o tão afamado Queijo Serra da Estrela. Na presente publicação apresentamos a sugestão da Adega Cooperativa de Penalva do Castelo:

“Para acompanhar este ex-líbris da nossa região, nada melhor que o vinho Adega de Penalva Reserva 2017, um blend das castas Touriga Nacional, Tinta Roriz e Jaen tão características do Dão. Este vinho apresenta uma cor rubi de boa intensidade, atraente no aroma, onde se nota framboesas frescas. Com tanino robusto e muito fresco de boca, não podia existir melhor combinação para o nosso queijo Serra da Estrela.”

 

‘Memória de Sabores’ – Homenagem

Assinalamos o 21º aniversário da elevação da Gastronomia Portuguesa a ‘bem imaterial do património cultural de Portugal, com uma homenagem a:

Na Gastronomia

Aos produtores de Queijo Serra da Estrela do Concelho que se dedicam à pastorícia e mantêm viva a arte de fazer o queijo, contribuindo deste modo para a qualidade da oferta de um dos produtos mais apreciados do concelho.

No Vinho

A todos os Vitivinicultores do Concelho que, ao longo dos anos com esforço e resiliência cultivam a vinha e contribuem para o excelente Vinho Dão de Penalva, que ao longo dos anos têm tido o reconhecimento de qualidade, através da conquista de vários prémios.

Este mérito é fruto dos homens e mulheres que se dedicam à vinha, da resistência às adversidades e da constante adaptação às inovações que foram surgindo.

 

(Conteúdos produzidos pelo município de Penalva do Castelo, para ‘Harmonizações, histórias e Memórias’, aquando da comemoração dos ‘21 Anos da Gastronomia Património Cultural’, promovida pela AMPV – Associação de Municípios Portugueses do Vinho)