//Pataniscas de Bacalhau

Pataniscas de Bacalhau

A receita dos filhos dedicada ao Chefe Silva, recordando a mãe, Graça Silva.

Não foi certamente por acaso que, convidados a escolher uma receita para dedicar ao pai, os filhos, Domingos e Carlos, escolheram as Pataniscas de Bacalhau.
É que esta é, sem dúvida, a que melhor define o relacionamento do pai com os seus amigos e, também, com o ambiente familiar, completamente descomprometido, simples e, como diria o Chefe, de “gostosa e alegre patuscada”.
Era, também, uma receita de execução obrigatória sempre que as equipas de Júlio Isidro e outras os visitavam. Acima de tudo, era uma iguaria que a mãe confeccionava na perfeição, como se comprova pelo testemunho de Margarida Mercês de Melo.
Optámos por ‘recuperar’ a receita publicada na Tele-Culinária nº 18 de 7 de Março de 1978.

Pataniscas de Bacalhau

Ingredientes
200 gr de farinha de trigo; 1 colher de sopa de azeite; 1 pitadinha de sal fino; pimenta q.b.; 3 ovos inteiros; 0,5 dl de vinho branco ou água fria; 300 gr de bacalhau (demolhado ) desfiado; 1 colher de sopa de salsa finamente picada; 1 cebola picada; 1 pimento morrone picado; óleo para fritar.

Preparação
Deite a farinha numa malga. Abra-lhe uma cavidade ao meio e deite nela o azeite, o sal, a pimenta e os ovos. Comece a mexer com uma colher de pau, sempre em volta, até envolver a farinha toda e, depois, vá mexendo sempre, juntando, em fio, o vinho branco ou a água. Deve ficar uma massa leve.
Junte-lhe o bacalhau, a salsa picada e a cebola. Mexa tudo muito bem.
Rectifique de sal. Numa frigideira, deite óleo até, mais ou menos, 1,5 cm de altura. Deixe aquecer e vá deitando, com a ajuda de uma colher de sopa, porções, separadas umas das outras. Vire-as logo que estejam coradas do lado de baixo. Depois de fritas, escorra-as. Sirva, acompanhadas de uma boa salada, arroz de legumes ou ervilhas.

 

Harmonização sugerida pelos Vinhos de Lisboa (Sanguinhal branco 2018)
A frescura e a acidez próprias da casta Arinto aliadas às características aromáticas da Chardonnay, evidenciadas pelos seus atributos frutados conferem, no seu conjunto, o par perfeito para harmonizar com as pataniscas de bacalhau, receita muito comum nas nossas casas, seja a solo, seja acompanhada com arroz cremoso.
Sanguinhal branco 2018
www.vinhos-sanguinhal.pt

 

Patrocínio:

(25% do valor do patrocínio é atribuído à área de Formação da ACPP – Associação de Cozinheiro Profissionais de Portugal, de que o Chefe Silva foi um dos fundadores.)

Nota – As Receitas dos Amigos do Chefe Silva integram a ‘Biografia do Chefe Silva’ editada em livro em 2008 e publicada agora em capítulos semanais no Jornal dos Sabores.
https://jornalsabores.com/category/gastronomia/chefe-silva/