//Grândola e o Vinho
grandola

Grândola e o Vinho

A gastronomia e o vinho são hoje produtos estratégicos para o desenvolvimento do turismo em Portugal. No concelho de Grândola a cultura vitivinícola e todas as dinâmicas associadas, como o enoturismo, têm cada vez maior importância, contribuindo para o crescimento da economia local e para diversificar a oferta turística existente.

Praias de areias douradas e um mar de águas cristalinas que se estendem até onde a vista alcança. A serra, entre o mar e a planície, onde se produz a melhor cortiça e onde a natureza se deixa descobrir. Um povo fraterno e um território ligado aos ideais de liberdade e democracia do 25 de abril. Estas são algumas das muitas razões que fazem de Grândola um destino inesquecível.

 

Concelho

Situado no coração do Litoral Alentejano ocupa uma área de 825,9 km2 e tem uma população de cerca de 15.000 habitantes.

 

Região

Pertence à Região Vitivinícola da Península de Setúbal e possui zonas diferenciadas com assinalável variedade de castas brancas e castas tintas.

 

Vinho

Os vinhos são influenciados pela proximidade ao Oceano Atlântico. Imperam as castas tintas Aragonez, Trincadeira e Alicante Bouschet e brancas Arinto, Antão Vaz e Fernão Pires.

Grândola possui uma história de mais de quatro séculos relacionada com a cultura vitivinícola. Esta cultura teve uma importância determinante para a economia da vila. Em 1712, o Padre Carvalho da Costa, na sua obra Corografia Portuguesa, menciona que ‘o Rio Davino atravessa hua fermosa varzea de vinhas, em que há mil & trezentos milheyros, as mais fecundas de frutos, & de menos custo na cultura que se conhecem neste Reyno’. Em 1814, o médico José Manuel Chaves refere-se a este facto do seguinte modo: ‘o vinho aqui he tão generoso que me consta que, não se lhe misturando leve porção d´agua nas vindimas, fica grosso, e se azeda mais facilmente’.

A partir da segunda metade do século XIX a vinha entra em declínio e apenas nos últimos anos se tem verificado o aumento da sua expressão no concelho. O mercado do vinho em expansão e o reconhecimento nacional e internacional da qualidade dos vinhos locais pode antever o regresso de uma época áurea para esta cultura no território.

 

Gastronomia

São afamados os pratos de caça, as migas, os ensopados, as açordas, as ervas comestíveis, os cogumelos, batata-doce, o ensopado ou a caldeirada de enguias, o arroz e a massa de peixe ou marisco, as caldeiradas, o choco, o peixe fresco e os bivalves.

 

Oferta Enoturística

São vários os produtores de vinho no Concelho, que produzem vinhos de qualidade marcante, nomeadamente os Vinhos do Pinheiro da Cruz, Vinhos do Pego da Moura, Vinhos Herdade Canal Caveira, Quinta do Beijinho da Costa, Quinta da Areia Safada, Herdade da Comporta e Serenada Enoturismo.

 

Quinta do Brejinho da Costa

Visitar a Quinta do Brejinho é conhecer um lugar singular em que a viticultura e as castas foram escolhidas com base na localização privilegiada que junta longas praias e zonas arenosas à grande mancha florestal de pinheiro manso e bravo.

 

Herdade Canal Caveira

É no Litoral Alentejano, na confluência de duas grandes regiões vitivinícolas portuguesas,  Setúbal e Alentejo, que  encontramos  a Herdade Canal Caveira. Esplanada pelo sopé da Serra de Grândola, a herdade recebe a influência marítima do Atlântico,  terra de um microclima único e original.  Tem uma área de 45 Hectares, dos quais 25 são de vinha e os restantes de oliveiras, laranjeiras,  sobreiros,  azinheiras e pinheiros. As vinhas espraiando-se ao sol quebram-se entre o regaço da ribeira, e a beira da estrada nacional IC1. Antes da paragem para o famoso Cozido à Portuguesa, ergue-se a emblemática  casa em forma de Castelo, cumprimentando quem  viaja rumo ao Algarve.

 

Serenada Enoturismo

‘A Serenada – Enoturismo’ integra duas parcelas de vinha: a vinha velha, plantada em 1961 e a nova em 2008. Os vinhos são frescos, minerais, complexos e elegantes. As vinhas situam-se a cerca de 10 km da orla marítima, entre a praia da Aberta Nova e a praia da Galé.

 

Feiras e Eventos

 

Feira de Agosto

A Grande Feira do Litoral Alentejano decorre durante 5 dias, no último fim-de-semana de agosto. Para além de um local de convívio fraterno e grande animação, é também a principal montra das potencialidades e recursos da região.

 

Ultra Maratona

Corrida na areia da praia entre Melides e Tróia, numa extensão de 43 km, é uma prova única em Portugal e na Europa.

 

Rota das Taberna

Momento privilegiado de divulgação da gastronomia e da música popular alentejana que mantém viva a tradição, a convivialidade e a ambiência das Tabernas.

 

Festas em Honra de Nossa Senhora da Penha de França

Durante o mês de maio, começa com a habitual procissão das velas e encerra com o regresso da imagem de Nossa Senhora à sua capela. A procissão das Rosas é um dos momentos altos deste evento religioso.

 

Comemorações do 25 de Abri

Na Terra da Fraternidade, em cada esquina, um amigo dá mais força à Liberdade!

 

In: Territórios Vinhateiros, Olivícolas e Corticeiros de Portugal, edição da AMPV – Associação de Municípios Portugueses do Vinho.

Publicação no Jornal dos Sabores numa parceria com a AMPV

 

Imagem: Quinta Brejinho da Costa