//Algarve tem seis restaurantes com estrelas Michelin

Algarve tem seis restaurantes com estrelas Michelin

Edição de 2021 do Guia Michelin confirma seis restaurantes com uma e duas estrelas, no Algarve.

A informação enviada pelo Turismo do Algarve refere que, para além dos restaurantes ‘estrelados’, foi distinguido, pela primeira vez, o Check-in Faro na categoria ‘Bib Gourmand’ pela ótima relação qualidade/preço.

Na edição de 2021 do conceituado guia, que está a chegar às bancas, a região do Algarve inclui seis restaurantes com estrelas: o Ocean (Lagoa) e o Vila Joya (Albufeira), galardoados com duas estrelas (‘cozinha excecional, merece o desvio’); e o Bon Bon (Carvoeiro), o Gusto by Heinz Beck (Almancil), o Vista (Portimão) e o Vistas (Vila Nova de Cacela), distinguidos com uma estrela Michelin (‘cozinha de grande nível, compensa parar’). A novidade surge com o prémio ‘Bib Gourmand’ atribuído ao Check-in Faro (‘ótima relação qualidade/preço’, vale a pena ir). Este junta-se ao restaurante Avenida (marina de Lagos), também incluído na mesma categoria.

João Fernandes, presidente do Turismo do Algarve, congratula-se com as distinções do famoso guia e sublinha que “este é também um importante reconhecimento à restauração algarvia, sobretudo no momento que estamos a atravessar. Os empresários e trabalhadores bem o merecem! O turismo gastronómico é um dos nossos produtos turísticos estratégicos, no qual vamos naturalmente continuar a apostar”, conclui o responsável do turismo algarvio.

As estrelas e os ‘Bib Gourmand’
Na gala – totalmente digital – que anunciou as estrelas Michelin para 2020, Portugal passou a contar com um total de 28 restaurantes com distinção de ‘estrelas’, com entrada dos restaurantes lisboetas ‘100 Maneiras’ e ‘Eneko Lisboa’ que foram distinguidos com uma estrela, enquanto o ‘São Gabriel’ (Almancil) perdeu a que detinha, por ter fechado no final de 2019.

Foram também anunciados nesta Gala os novos restaurantes portugueses a entrar para a lista dos ‘Bib Gourmand’ e que são o ‘Javali’ em Bragança, o ‘Avista’, no Funchal; o ‘Check-in em Faro’; o ‘Semea by Euskalduna’ no Porto, e O ‘Frade’, em Lisboa, num total de 39 em todo o território nacional.

Esta categoria, lançada em 1997, com a imagem o boneco Michelin a lamber os lábios distingue os restaurantes que proporcionam “momentos de prazer gastronómico por menos de 35 euros, usando produtos de qualidade, contas moderadas e uma cozinha com uma boa relação qualidade e preço”, refere o guia.