Vitor Claro relança Restaurante

Junho de 2016 marca uma nova página na carreira de Vitor Claro, o relançamento do seu restaurante após um restyling da marca e do espaço.

O CLARO reabre com uma nova decoração, uma nova carta, um novo serviço e muitos planos para continuar a surpreender quem o visita.

Integrado no Hotel Solar Palmeiras, de frente para a foz do Tejo, o restaurante Claro pretende encantar não só pela sua vista de cortar a respiração, mas sobretudo pela cozinha tradicional, imaginativa e refinada, o serviço de excelência e um ambiente sóbrio e elegante.

Em Abril, Claro fechou portas para a renovação do espaço, reabrindo em Junho com uma nova imagem assente no conforto e na qualidade do serviço oferecido. Nas palavras de Vitor Claro, “um restaurante em que o conceito é não haver conceito.”

A ementa mantém a assinatura criativa de Vitor Claro, que, mais que o Chef do restaurante, é o Maestro que conduz esta orquestra para, juntamente com a sua equipa, fazer da carta a sua sinfonia.

Marcada por ingredientes clássicos, caldos leves e pela criatividade de reinventar o tradicional, sem comprometer os sabores de sempre, a nova carta traz novidades como a Azevia à Delícia, a Bochecha de Novilho à General Wellington, Salmão fumado caseiro com sumo de salada Waldorf e remoulade de aipo, o Lavagante em caldo essencial, massinhas de rutabaga e verduras.

Uma das principais características desta carta é o pão caseiro, “um dos clássicos”, feito no restaurante antes de cada refeição. “O hábito de acompanhar a refeição com pão é algo tão enraizado em Portugal, que está presente em letras de músicas. Nesta nova carta, quisemos prestar-lhe uma merecida homenagem, surgindo como um irresistível complemento a alguns pratos” explica Vitor Claro.

“A Mesa do Chef era algo que queria implementar já há algum tempo e, com a renovação, veio o momento ideal para lançar este novo serviço”explica Vitor Claro. Na Mesa do Chef, os clientes – num máximo de 14 pessoas – poderão usufruir de uma experiência única: a carta será totalmente personalizada, desde a comida aos vinhos e haverá uma grande proximidade com o Chef, que, inspirado pelo grupo, cria uma carta exclusiva para aquela refeição.
A partir de 8 de Junho, o restaurante Claro reabre com uma nova imagem, nova decoração, nova carta, nova equipa, mas com a qualidade e serviço de excelência que são já imagem de marca de Vitor Claro.

Sobre Vitor Claro

5.1Vitor Claro Depois de se ter formado na Escola de Hotelaria do Estoril, o jovem Chef Vitor Claro, de 21 anos, abre o seu próprio espaço em Lisboa – o Pica no Chão – depois de ter trabalhado em cozinhas premiadas como as do Vila Joya, do Savoy, em Londres, ou do catalão El Racó de Can Fabes. Em 2005 inicia uma nova aventura, passando por restaurantes como o Degusto, no Porto, a Herdade da Malhadinha, em Beja, ou o Hotel Albatroz, em Cascais. Em 2012 abre o espaço que o consagrou como Chef criativo e arrojado, o Claro, situado no Hotel Palmeiras em Paço D’Arcos, que mantém até hoje.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *