Vegetais «plantados» no fundo do mar

Alfaces, feijão, morangos e alhos estão a ser plantados no mar, a uma profundidade de 5 a 10 metros.

O projecto piloto sediado na Baía de Noli, na província de Savona, Itália, designado ‘Nemos Garden’ é construído por cápsulas biosféricas de plástico ancoradas ao fundo do mar onde, nos últimos três anos, foram semeadas cerca de 25 variedades de vegetais. Surpreendentemente, o estudo realizado nestes vegetais de ambiente marítimo revela que não existem diferenças entre estes vegetais e os plantados na terra.

Os investigadores referem que há factores chave que permitem o crescimento das sementes nas cápsulas biosféricas: a temperatura do seu interior e da água do mar, a intensidade da luz solar que atinge o fundo do mar e a humidade interior das biosferas. As plantas mantêm-se hidratadas pelas gotas de condensação da água existentes nas paredes das cápsulas, sendo que a temperatura praticamente constante de dia e à noite crias as condições ideais para o seu desenvolvimento, avança o EL País.

No mesmo artigo pode ler-se que o objectivo principal do projecto é desenvolver uma solução ecológica e sustentável em alternativa à agricultura convencional. Contudo, o estudo sobre o desenvolvimento de sementes em ambiente de baixa pressão, a criação de vegetais únicos para restaurantes de topo e o desenvolvimento de um novo tipo de turismo de mergulho são também propósitos desta aventura marítima.

Fonte: Green Savers

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *