Três vinhos portugueses com Medalha de Grande Ouro

Vinhos portugueses trouxeram 68 medalhas do concurso «La Selezione del Sindaco» que decorreu em Itália.

Na sua 15ª edição, o Concurso Enológico Internacional La Selezione del Sindaco regressou a Itália, realizando-se entre os dias 26 e 28 de maio, na cidade de L’Aquila, situada no centro de um território historicamente com uma forte vocação vitivinícola.

O júri composto por 80 provadores atribuiu um total de 16 medalhas de Grande Ouro, 118 medalhas de Ouro e 215 medalhas de Prata. O melhor vinho português foi o Vista Alegre Moscatel, de Vallegre, Vinhos do Porto S.A, considerado o 5.º melhor vinho, dos mais de 1.100 a concurso, recebendo assim uma Medalha de Grande Ouro.

Dois outros vinhos portugueses estão entre os 16 que receberam o prémio máximo do concurso: Quinta da Badula Reserva 2012, da Quinta da Badula Lda., e Touriga Nacional Madre de Água 2011, da Madre de Água Lda.

Cerca de duas centenas de vinhos portugueses participaram este ano no concurso, sendo que, no total Portugal trouxe de Itália 68 medalhas: 3 de Grande Ouro, 23 de Ouro e 42 de Prata.

A região portuguesa mais premiada foi a Península de Setúbal, com 20 medalhas, e foi para o município do Montijo que foram mais medalhas, com as 13 medalhas arrecadadas pela Cooperativa Agrícola Santo Isidro de Pegões.

O vinho mais pontuado foi o italiano Falco Nero Salice Salentino Riserva 2009, da Cantine de Falco di Salvatore de Falco & C. SAS., com 94,5 pontos.

A AMPV, que no ano passado teve a responsabilidade da organização do concurso em Oeiras, foi uma das entidades parceiras desta edição, tendo marcado a sua presença no concurso juntamente com 12 conceituados enólogos portugueses. O secretário-geral da AMPV, José Arruda, foi o coordenador do grupo português.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *