//Tertúlias de ‘Sarrabulho’

Tertúlias de ‘Sarrabulho’

A Confraria do Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima promove ciclo de Tertúlias Gastronómicas.

A primeira aconteceu recentemente na Clara Penha – Casa dos Sabores e já deu o mote para as futuras edições em outubro e dezembro: revelar a riqueza de sabores de Ponte de Lima.

A presidente da confraria, Cristina Mendes, revelou ao jornal Diário do Minho que as ações visam “promover o intercâmbio de saberes e de práticas entre cozinheiros e proprietários de restaurantes, potenciar sinergias e partilha de boas práticas com outras confrarias, atrair novos confrades e, sobretudo, estreitar laços e promover uma sadia convivialidade entre os confrades”.

Cristina Mendes prometeu a presença de “prestigiados convidados” que promoverão o debate sobre “a panóplia de sabores que revelam a riqueza gastronómica e vitivinícola de Ponte de Lima.

Ainda de acordo com o Diário do Minho, nesta primeira tertúlia gastronómica coube ao restaurante Rotunda da Feitosa a confeção do Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima. A iniciativa contou com a participação do Vinho da Cuca, Minho Fumeiro e Confraria do Vinho Verde, estando a animação a cargo de António Morais. Nuno Vieira de Brito foi o orador convidado, num evento em que também houve a intervenção de Paulo Sousa, vereador do Turismo de Ponte de Lima.

A Confraria Gastronómica do Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima…

…foi formalmente constituída em março de 2004, com o entusiástico contributo de Francisco Sampaio, então presidente da extinta Região de Turismo do Alto Minho.

Na ocasião, eram apresentados como principais objetivos: A promoção do prato em território nacional e internacional realçando-se o seu valor gastronómico, significado histórico e interesse popular, turístico, cultural e económico e a contribuição para a autenticidade das matérias-primas essenciais à sua confeção (carne de porco e respetivos enchidos e fumados).