Teixuga branco 2013

A Caminhos Cruzados, empresa produtora de vinhos de Nelas, acaba de apresentar ao mercado o Teixuga Branco 2013. A marca acredita que, com esta nova referência, apresenta um vinho marcante que reflecte de forma plena a essência do Dão. Com uvas oriundas das vinhas velhas da Quinta da Teixuga em Nelas, com predominância da casta Encruzado, foram produzidas apenas cerca de 1500 garrafas. Este vinho estagiou 19 meses em barricas novas de carvalho francês e outros 12 em garrafa. Como resultado, surgiu um vinho branco com um aroma de grande intensidade e complexidade e ainda capacidade de envelhecimento.

“É com muito orgulho que apresentamos o Teixuga. Esperámos muito tempo por este vinho e não podíamos estar mais satisfeitos com o resultado, que reflecte o crescimento da empresa. Se o Titular representava um novo Dão, com o Teixuga quisemos ir de encontro ao Dão mais autêntico. A Quinta da Teixuga é muito conhecida na região pelas suas vinhas velhas, cujas uvas permitiram elaborar vinhos de excelência. Este vinho é a certeza de que estamos no caminho certo”, refere Paulo Santos, proprietário da Caminhos Cruzados.

“O Teixuga é o nosso topo de gama, vem de uma vinha absolutamente extraordinária que tenho o privilégio de conhecer muito bem. Sempre considerámos que o Encruzado da Quinta da Teixuga era a melhor uva da região. É um vinho que evolui muito dentro da garrafa, pelo que está sempre a surpreender, com uma elegância única”, acrescenta Manuel Vieira, um dos enólogos do projecto.

A Caminhos Cruzados nasce em 2012 pela mão de Paulo Santos, empresário da área têxtil, que tinha o sonho de regressar às origens e colocar Nelas no mapa dos grandes vinhos do Dão. Os seus vinhos são feitos a partir de uvas de produção própria e de produtores selecionados, reconhecidos pela sua qualidade e excelência de castas, todos na região do Dão.

A empresa (vinhas e adega) situa-se no Dão, mais especificamente em Nelas, região que está protegida dos ventos pelas serras do Caramulo, Montemuro, Buçaco e Estrela, reunindo assim condições geográficas excelentes para a produção de vinhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *