Taylor’s: 325 anos de história celebrados em alto mar

Para assinalar o 325º aniversário, a Taylor’s associou-se a Ricardo Diniz, navegador solitário e embaixador do mar, para recriar a primeira exportação de vinho do Porto da casa.

Tal como antigamente, o vinho do Porto será embarcado na beira-rio de Vila Nova de Gaia, em frente às caves Taylor’s, com destino a Londres.

Em 1692, começava a escrever-se um importante capítulo na história do vinho do Porto. Este foi o ano em que Job Bearsley, um comerciante inglês, chegou a Portugal para se aventurar no negócio do vinho, fundando a empresa que hoje conhecemos como Taylor’s. Atualmente afirma-se como uma das mais antigas e reconhecidas casas produtoras de vinho do Porto, mantendo um papel ativo na afirmação deste produto em todo o mundo.

Adrian Bridge, diretor geral da Taylor’s, refere: “A nossa história confunde-se, muitas vezes, com a própria história do vinho do Porto porque, em 325 anos, sempre estivemos na linha da frente. Fomos pioneiros na criação de novas categorias de vinho do Porto, introduzimos a viticultura sustentável, desenvolvemos enologia de ponta, conservando práticas tradicionais, e abrimos caminhos difíceis para mercados que hoje são fundamentais para o negócio do vinho. Se hoje o vinho do Porto é um dos grandes clássicos em todo o mundo, deve-se também ao trabalho incansável da Taylor’s ao longo de gerações.”

Ricardo Diniz, navegador solitário português, será o homem do leme que promete levar a bom porto a história e os vinhos da casa Taylor’s. Aos 40 anos, este embaixador da cultura portuguesa além-fronteiras não hesitou em aceitar o desafio. Ricardo comenta: “Este não é apenas um momento especial para a Taylor’s. Esta é uma importante parte da história dos vinhos do Porto e de Portugal, algo que me orgulho de representar e partilhar”.

Recriando a história do primeiro carregamento de vinho do Porto Taylor’s para Londres, será embarcada uma pipa em frente às Caves Taylor’s, no cais de Vila Nova de Gaia, contendo uma edição limitada de um vinho do Porto especialmente elaborado para comemorar o aniversário. Esta importante carga será desembarcada na margem do rio Tamisa, havendo em seguida um evento comemorativo na Torre de Londres. Então, como hoje, a Inglaterra é ainda o principal mercado para as categorias especiais de vinho do Porto.

A recriação da histórica viagem vai ser feita num veleiro construído em 1991 e batizado #Taylor325, totalmente restaurado e patrocinado pela Taylor’s.

Após a viagem até Inglaterra, Ricardo Diniz vai competir na desafiante e exigente regata OSTAR 2017 (Original Singlehanded Transatlantic Race). Velejando de Plymouth até Newport, Rhode Island, vai cruzar o Atlântico Norte numa viagem que vai durar cerca de 21 dias. Esta será a primeira participação portuguesa na prova, que se realiza de 4 em 4 anos e cuja primeira edição ocorreu em 1960.

Para Adrian Bridge: “Esta parceria aconteceu muito naturalmente pois une terra e mar, história e futuro, assente em valores partilhados como determinação, coragem e resiliência, atributos essenciais tanto para a navegação solitária como para a produção e venda de vinho do Porto. É com grande orgulho que a Taylor’s apoia o primeiro velejador português a participar na OSTAR, no ano do nosso 325º aniversário “.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *