‘Restaurante’ de comida de rua conquistou estrela Michelin

Depois de receber a estrela, em finais de 2017,a cozinheira recebeu a visita do fisco tailandês.

A especialidade de Jay Fai, de 72 anos, são as omoletes de camarão e noodles de caranguejo, que vende numa ‘banca’ de rua em Banguecoque. E foi essa especialidade que conquistou os inspetores do Guia mais famoso do mundo, que lhe atribuíram uma estrela, classificação que significa “restaurante muito bom na sua categoria”.

Já em 2016 havia sido distinguido com uma estrela uma banca de venda de comida num mercado, o Hong Kong Soya Sauce Chicken Rice and Noodle que, como o próprio nome indica, serve galinha com arroz, noodles e molho de soja cuja dose custa apenas 1,30 euros, no mercado de Singapura.

Jay Fai, a tailandesa vencedora da estrela no ano passado, teve que ser convencida pela filha a ir receber o prémio e quando soube mostrou-se surpreendida pois “pensava que isso era marca de pneus e não que tivesse que ver com comida.”

Em Hong Kon Jay Fai voltou a surpreender-se quando viu tantos chefes de cozinha, chegando mesmo a pensar que se tratava de uma competição para a qual não estava preparada.

O pior mesmo foi quando regressou à sua vida e ao restaurante onde recebeu a visita do fisco tailandês. A empresária/cozinheira já prometeu que não vai aumentar os preços nem mexer na sua humilde loja. Mas avisou que se os cobradores de impostos continuarem a fiscalizar as suas contas, prefere devolver a estrela.

Refira-se que estes prémios foram atribuídos pela ‘entidade’ responsável pela atribuição de estrelas naquela zona do globo.

As estrelas atribuídas podem ser:

Uma: para um restaurante muito bom na sua categoria, oferecendo cozinha preparada para um padrão consistente e alto.

Duas: para um restaurante com uma excelente cozinha e pratos cuidadosamente elaborados, de excelente qualidade.

Três: para um restaurante que vale uma viagem especial, indicando cozinha excecional, onde os clientes comem extremamente bem, muitas vezes soberbamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *