Prova internacional de vinhos brancos

A primeira edição do “Monção & Melgaço – The White Experience” acontece a 21 e 22 de julho em Monção.

O presidente da Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes (CVRVV), Manuel Pinheiro, referiu na apresentação do certame que este é “um evento inédito em Portugal e na Europa e não é por acaso que vai decorrer na sub-região Monção e Melgaço já que, como acrescentou, “esta é uma grande região europeia de produção de vinhos brancos que ombreia com outras regiões europeias”,

O evento contará com 36 produtores, oitos deles oriundos da Hungria, Áustria, Alemanha e França e decorrerá num espaço a instalar no Parque das Caldas – junto às muralhas e ao Rio Minho – em Monção.

Recorde-se que em 2015 a produção de Alvarinho foi alargada a outras zonas do país, fora dos dois concelhos do Alto Minho, como resultado de um acordo alcançado pelo Grupo de Trabalho do Alvarinho (GTA), liderado pela CVRVV, que desde há muito tempo se mostrou defensora do alargamento da produção daquele vinho aos 47 municípios que a integram. Mas o acordo, apesar de aceite pelo município de Monção é contestado pelos produtores de Melgaço.

A Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes (CVRVV) revelou que a sub-região de Monção e Melgaço ocupa uma área de cerca de 45 mil hectares, 1.730 dos quais cultivados com vinha, com a casta Alvarinho a ocupar cerca de 1.340 hectares.

A sub-região tem no mercado 253 marcas de vinho verde, produzidas por de 2.085 viticultores e 67 engarrafadores, com os dois concelhos a produzirem anualmente 10,2 milhões de litros de vinho verde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *