//Manifesto pelos ‘verdadeiros vinhos de Pias’

Manifesto pelos ‘verdadeiros vinhos de Pias’

“Contra as falsificações, cópias e apropriações, marchar, marchar!”

O Atelier Rita Rivotti – Wine Branding & Design foi responsável pela criação da nova estratégia de marca da icónica Sociedade Agrícola de Pias. Na base do projeto, que inclui a estreia de uma nova marca premium no universo do produtor, está a missão de continuar “A honrar Pias como uma legítima origem alentejana, desde 1973”.

Especializado em design e branding de vinhos, bebidas espirituosas, azeites, cervejas e produtos gourmet, o premiado Atelier Rita Rivotti®, sediado em Lisboa, constrói narrativas visuais para as marcas, após um intensivo trabalho de terreno pelas terras e gentes que compõem cada projeto. É o caso da história da família Margaça, fundadora da Sociedade Agrícola de Pias, localizada em Serpa, no extremo oriental do Alentejo.

Desde 1973 que a Sociedade Agrícola de Pias é um sério caso de estudo. A pequena freguesia, a quem pediu emprestado o nome, tornou-se um dos maiores fenómenos do vinho português, em grande parte explicado pela ocupação das terras pelos camponeses em 1976, por conta do PREC – Processo Revolucionário em Curso e da Lei da Reforma Agrária, na ressaca da Revolução de Abril. Soaram trompetes de vitória e bandeiras da revolução, que atraíam autocarros cheios vindo de todo país a Pias para celebrar de perto a conquista. No regresso levavam a memória em forma de garrafa, dando a conhecer e a provar o vinho Pias.

Atualmente a história repete-se, com uma nova forma de ocupação – a apropriação industrial da marca Pias, gerando falsificações e cópias. Para Rita Rivotti, “este foi o principal desafio com o projeto. Foi necessário fazer um rigoroso diagnóstico ao mercado, estudar as prateleiras e as marcas que ostentam Pias no rótulo, sem qualquer legitimidade e sem qualquer proibição pelos organismos oficiais, confundindo o consumidor. O processo criativo passou por criar um novo movimento revolucionário, desta vez pelo reconhecimento, autenticidade e reposição da verdade do verdadeiro vinho de Pias, que tem dono – a família Margaça.”

Iniciou-se, assim, o processo de rebranding da marca “Pias”, uma das referências mais clássicas do portefólio do produtor e um dos vinhos bandeira da região, e a criação de uma nova marca, direcionada para o segmento premium, que destaca o protagonista desta história – a “Família Margaça”. Do logotipo aos rótulos de ambas as gamas da Sociedade Agrícola de Pias, o Atelier Rita Rivotti® desenvolveu um trabalho criativo com base nas palavras de ordem “A Honrar Pias como uma legítima origem alentejana, desde 1973”, fortalecendo o manifesto, mas também alertando o consumidor para a autenticidade das suas compras.

Manifesto Rita Rivotti – palavras da autora

A Pias o que é, e sempre foi, de Pias! Este vinho tem dono, a Sociedade Agrícola de Pias, da família Margaça, desde 1973. Este vinho é alentejano, produzido em Pias, no concelho de Serpa. É nosso, é português. Contra as falsificações, cópias e apropriações, marchar, marchar! Faz-se a luta pelas palavras: a honrar Pias como uma legítima origem alentejana desde 1973. Faz-se a luta pelo design: com a identidade com que surgiu no mercado. Faz-se pela verdade: esta é uma autêntica marca de Pias.

Muito obrigada,

NR – Texto integral recebido