Lançado o ‘Manual para alimentação dos Bombeiros’

A Direção-Geral da Saúde lançou um Manual com o título “Recomendações gerais para a alimentação dos Bombeiros”.

Este documento foi apresentado recentemente através do Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, com o objetivo de “colmatar uma lacuna nesta área, fornecendo um conjunto de recomendações alimentares para um desempenho ótimo dos bombeiros e adicionalmente um contributo para melhorar o estado de saúde destes profissionais ao longo do ano”.

O Manual refere a importância de “assegurar um adequado aporte energético e de nutrientes, bem como um adequado estado de hidratação é determinante para fazer face às exigências inerentes a estes períodos de maior intensidade física e psicológica, em particular no momento de combate a incêndios”.

Por essa razão, “as rações individuais de combate possuem uma composição nutricional que tem por base as recomendações específicas para indivíduos com um nível de atividade física elevado, pelo que não se adaptam ao dia-a-dia habitual deste grupo de profissionais”.

No Manual é apresentado um conjunto de recomendações nutricionais e alimentares específicas para os períodos de atividade intensa, em particular o combate a incêndios.

Numa primeira fase, um conjunto de recomendações gerais para uma alimentação saudável que deverá fazer parte do dia-a-dia destes profissionais. De seguida destacam-se recomendações nutricionais e alimentares específicas para os períodos de atividade profissional intensa, integrando uma proposta de um kit alimentar individual para bombeiros em situações de emergência. Este manual contempla ainda algumas recomendações para a alimentação a fornecer nos dias de combate a incêndio quando são disponibilizadas por restaurantes, instituições ou pelas próprias corporações de bombeiros.

Eis, algumas das recomendações básicas:

– Beber água, mesmo que na ausência da sensação de sede;
– Em situações de combate às chamas e necessidades de hidratação aumentadas, as bebidas para desportistas podem ser melhor opção;
– Ter atenção à cor da sua urina, pode ser um bom marcador do estado de hidratação: deve ser abundante, incolor e sem cheiro;
– Optar por alimentos sólidos ricos em água e potássio, como frutos e hortícolas;
– A sopa de hortícolas deve ser considerada como opção para hidratar e fornecer um aporte muito importante de vitaminas e minerais;
– Evitar bebidas alcoólicas e/ou bebidas excessivamente açucaradas.

Pode consultar o Manual em: http://nutrimento.pt/activeapp/wpcontent/uploads/2017/07/Recomendacoes-gerais-para-a-alimentacao-de-bombeiros.pdf

Foto de capa: Rádio Brigantia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *