//Ermelinda Freitas conquista ‘Prémio Nacional de Agricultura 2018’

Ermelinda Freitas conquista ‘Prémio Nacional de Agricultura 2018’

Empresa vitivinícola da região da Península de Palmela conquistou prémio na Categoria Empresas.

O prémio conquistado pela Casa Ermelinda Freitas, localizada em Fernando Pó, no concelho de Palmela, foi recebido por Leonor Freitas (sócia – gerente), que refere “o enorme orgulho nas minhas origens, na minha família simples e rural que nunca imaginou que eu, a sua descente, não estando preparada para trabalhar no mundo rural, estivesse a receber tão alto prémio com personalidades tão importantes e de grande destaque nesta área”.

Leonor de Freitas recordou, mais uma vez, a tentativa do seu pai de a afastar da vida rural, mas “afinal é aqui, no coração do mundo rural desta região, que me sinto bem e que tenho vivido os melhores e mais gratificantes anos da minha vida”.

Nesta 7ª edição, que reuniu 1.179 candidaturas, “foi com muito agrado que o BPI viu distinguidos projetos inovadores e iniciativas com impactos positivos para o setor e para a economia nacional”, referiu fonte da entidade bancária.

O Prémio Nacional de Agricultura 2018 é promovido pelo Banco BPI, Correio da Manhã e Jornal de Negócios, com o patrocínio do Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Regional, com o apoio da PwC.

Este prémio tem por objetivo Promover, Incentivar e Premiar os casos de sucesso dos sectores da Agricultura e Agro-indústria, Florestas e Pecuária nacionais.

Refira-se que para esta empresa o ano de 2019 começou com a conquista do prémio, atribuído ao espumante Casa Ermelinda Freitas Bruto Branco, que foi considerado um dos 50 Melhores Espumantes do Mundo de 2019. Desde 1999 a Casa Ermelinda Freitas, já obteve mais de 1000 prémios a nível nacional e internacional tendo ganho no último ano de 2018 um total de 260 prémios.