‘Doce de figo inteiro em calda’ vence Concurso de Doçaria de Palmela

Lourdes Magalhães venceu o prémio absoluto do 1.º Concurso de Doçaria de Palmela, realizado a 1 de julho, com o seu doce de figo inteiro em calda.

Além do prémio absoluto – o melhor dos melhores – o júri selecionou o primeiro lugar em cada uma das três categorias: Doce de Colher – Pudim de ovos com natas e nozes, de Maria Emília Oliveira; Doce de Fatia – Carolinos (Maria da Luz Silva); Doce Seco ou Biscoito – Fogaça de Palmela (Isabel Lopes). Foram, ainda atribuídas menções honrosas ao doce Cabritinha (restaurante Bones & Bones) e às bolachas de menta (Biscoitos e Companhia).

O Espaço Cidadão, no Centro Histórico da vila de Palmela, acolheu a iniciativa que incluiu um ateliê de confeção de Fogaça de Palmela, contribuindo para a divulgação e preservação das tradições gastronómicas locais. O Chef Emílio Rosa reforçou a importância deste tipo de iniciativas, que permitem registar as memórias culinárias “das nossas avós” – uma lição que procura passar às/aos alunas/os que forma. O “casamento feliz entre a gastronomia e o turismo” foi sublinhado pelo Vereador Luís Miguel Calha, que enquadrou a iniciativa no âmbito dos objetivos do projeto municipal «Palmela, experiências com sabor», iniciado em 2009, com excelentes resultados. A promoção da gastronomia local, conjugada com o incentivo à inovação, tem favorecido o enriquecimento das ementas dos restaurantes do concelho, levando, também, a uma maior utilização e procura dos produtos locais de grande qualidade. Palmela é o concelho da Área Metropolitana de Lisboa que mais tem crescido, nos últimos anos, em vários indicadores de desenvolvimento turístico, e a gastronomia tem sido uma componente de relevo na atração de mais visitantes e turistas ao nosso território.

O painel de jurados foi presidido pelo Chef Emílio Rosa (Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril), e constituído, também, por Fátima Santos (Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa), Paula Magalhães (Divisão de Comunicação, Turismo e Economia Local da Câmara Municipal de Palmela), Io Appolloni (atriz e empresária na área da doçaria) e Anabela Rito (Junta de Freguesia de Palmela).

Os Fins de Semana Gastronómicos – uma das principais propostas do projeto – regressam nos dias 14, 15, 16, 21, 22 e 23 de julho, para celebrar a Fruta de Palmela.

2 thoughts on “‘Doce de figo inteiro em calda’ vence Concurso de Doçaria de Palmela

  1. Eu como sou um fâ de doçaria, especialmente deste tipo, gosto especialmente do doce de figo. Os meus parabéns pelo prémio (1º.) e mérito absoluto. Tenho pena de não encontrar essa especialidade aqui nas superficies da minha zona(Ribatejo)

    Parabéns e que a qualidade se mantenha sempre e que vençam, mais mostras de produtos confecionados pela vossa empresa.

    Bem Haja a todos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *