Dia dos vinhos moldavos em Portugal

A Adega do Marquês, em Oeiras, recebeu no passado dia 18 um evento que permitiu a prova de vários vinhos da Moldávia.
Esta foi a segunda edição do «Dia dos vinhos moldavos em Portugal», evento promovido por Simion Croitoru, proprietário da Atlantikdynamik, empresa que comercializa os vinhos daquele país em Portugal e Espanha. Mais de uma centena de portugueses e moldavos marcaram presença neste evento que contou com o Embaixador da Moldávia em Portugal, Dumitru Socolan, cuja presença Simion considerou como “um importante apoio e o reconhecimento de que a qualidade dos vinhos comercializados em Portugal, contribuem para a (boa) imagem da Moldávia”.

Paulo Vistas, presidente da Câmara Municipal de Oeiras fez questão de estar presente e provar os vinhos apresentados na companhia da presidente do município moldavo de Straseni, ela própria ligada à produção vitivinícola, que se deslocou a Portugal para contactos com vista a uma futura colaboração entre os dois municípios.

8-2Simion Croitoru, empresário que importa e comercializa os vinhos moldavos em Portugal e promotor do evento, mostrou-se feliz pela “excelente recetividade aos vinhos apresentados”, que foram acompanhados por alguns pratos tradicionais moldavos preparados por Viorica Croitoru . A título de curiosidade fica a referência a estas surpresas gastronómicas: ‘sarmale’, um recheio à base de arroz, envolvido em folha de couve, ‘língua da sogra’, confecionado à base de berinjela com recheio, ‘placinte’ de folhado com recheio de requeijão e especiarias , ‘clatite’ feito de massa de crepe com recheio e, por fim, um delicioso bolo com ginja em calda.

Entre os vinhos apresentados destacam-se os brancos ‘Feteasca Alba’ produzido com uma casta autóctone e um ‘Sauvignon Blanc’, e os tintos ‘Negre’ com as duas castas autóctones, Rara Neagra e Feteasca de que foram engarrafadas apenas 6.000 unidades e o ‘Individo’ com Rara Neagra/Malbec/Syrah, recomendado pela Forbes.

Destaca-se ainda o colheita tardia ‘Chardonnay Late Harvest’ que em 2013 conquistou duas medalhas de ouro e uma de grande ouro em concursos internacionais e a fechar, o Ice-Wine Muscat Ottonel, Grande Vencedor do concurso internacional «La Selezione del Sindaco» em 2015, ano em que, com mais de um milhar de vinhos a concurso, o evento foi realizado em Oeiras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *