«Cruzeiro vínico» em avião

A rede americana Crystal Cruises está a preparar, para 2018 o 1º Cruzeiro Aéreo dedicado aos enófilos.

«Savoring the Winelands» (Saboreando as Terras do Vinho) é organizado pela rede Crystal Cruises, empresa tradicional no segmento marítimo que quer estar a partir de agora também nos céus, com a nova divisão Crystal Aircruises.

A viagem enófila começará no dia 1 de junho de 2018 e terá a duração de 16 dias. Será realizada a bordo de um Boeing 777 com interior executivo e vai passar pelas regiões de Bordeaux e Champagne, em França; Toscana, na Itália; Mendoza, na Argentina; Santiago, no Chile, e a Cidade do Cabo, na África do Sul.

Mas porque a viagem é enófila e nenhum dos participantes terá que «conduzir» – esperando-se que também não tenham que pilotar -, durante os voos serão oferecidas degustações de vinhos conduzidas por Sommeliers, além de aulas ministradas por profissionais da revista Wine Spectator, parceira neste projeto.

As marcações para o «Savoring the Winelands» da Crystal AirCruise já estão disponíveis mediante o pagamento de US $ 73.000 por pessoa.

6.1De acordo com a informação da empresa, a bordo os participantes irão desfrutar do conforto de um jacto privado bem equipado, incluindo cozinha de inspiração Michelin e alguns ‘vintage’ de renome da adega Skye expansiva – que será abastecido com vinhos relevantes para o itinerário especializado previsto.

Durante a viagem, os hóspedes Crystal irá explorar as vinhas e cidades vizinhas das regiões com experiências imersivas que incluem:

A empresa não refere ainda os custos finais, mas dá a conhecer alguns pormenores do sugestivo programa:

Em Itália, degustação no Castello Della Paneretta Winery (século XVI) em Chianti, jantar em La Torre, com estrela Michelin, caça à trufa com a família local Savini, e explorar a paisagem circundante nas clássicas motos ‘Vespa’, na Toscana.

Em França, visita aos castelos Margaux e Pomerol, um passeio de balão de ar quente sobre Saint-Émilion, e jantar no Le Pressoir d’Argent, de Gordon Ramsay, com estrela Michelin, e Le Quatrième Mur em Bordeaux.

Ainda em terras francesas, visita às vinhas e adegas subterrâneas da Montagne de Reims, acesso exclusivo ao Louvre e Palácio de Versalhes, e refeições com estrelas Michelin no Le Fouquet’s e Victoria em Champagne.

Na África do Sul, estadia no Grande Provence Heritage Wine Estate, com mais de 300 anos de história, e um safari de cozinha em Cape Malay que apresenta culinárias étnicas locais em Cape Town.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *