Concurso de Vinhos da Península de Setúbal

O júri do concurso avaliou 188 vinhos e decidiu atribuir 56 medalhas – 18 de Ouro e 38 de Prata.

No passado dia 3 de maio, na Estufa Fria em Lisboa, a Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal (CVRPS) promoveu uma cerimónia para entrega dos prémios da XVIII edição do Concurso de Vinhos da Península de Setúbal.

Os vinhos mais pontuados do concurso, portanto considerados ‘Os Melhores’, foram:

– O Bacalhôa Moscatel de Setúbal Superior 30 Anos – 1985, que recebeu duas distinções; Melhor Vinho do Concurso e Melhor Vinho Generoso.

– O Vinhas de Pegões Syrah 2017 da Adega de Pegões que conquistou a medalha de Melhor Vinho Tinto.

– O DSF Colecção Privada Domingos Soares Franco Verdelho 2017, da José Maria da Fonseca que recebeu o prémio de Melhor Vinho Branco.

– O Serras de Azeitão Syrah 2017, da empresa Bacalhôa que foi distinguido com o título de Melhor Vinho Rosado.

Henrique Soares, Presidente da CVRPS, referiu na ocasião que esta 18ª edição do Concurso de Vinhos da Península de Setúbal “é especial em vários sentidos; a região está a atravessar uma fase muito boa, 2017 foi um ano record de vendas, com crescimentos assinaláveis em todos os mercados e que foram repartidos por todas as empresas da região. Decidimos por isso partilhar este sucesso com um maior número de pessoas e instituições e a entrega de prémios decorre, também por isso, na Capital de Portugal. A XVIII é também uma edição record no número de empresas a concurso, 27 e no número de vinhos a concurso, 188, razão pela qual entregaremos o maior número de medalhas de sempre, 56  no total, sendo 18 de ouro e 38 de prata”.

O Concurso de Vinhos da Península de Setúbal é organizado pela CVRPS, entidade certificadora e promotora dos Vinhos da Península de Setúbal, há 18 anos consecutivos com o objetivo de promover, valorizar e estimular a produção de vinhos de qualidade na região vitivinícola da Península de Setúbal. Pelo terceiro ano consecutivo o concurso registou um aumento de vinhos em prova, firmando a relevância da promoção conjunta da região. O júri, composto por técnicos especialistas em análise sensorial das várias regiões vitivinícolas portuguesas, enólogos, jornalistas, escanções, docentes da Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal, provadores da ASAE e representantes da restauração, num total de 22 provadores, esteve dois dias em provas na Escola e Hotelaria e Turismo de Setúbal.

Conheça os restantes vinhos premiados em:

http://www.vinhosdapeninsuladesetubal.pt/cvrps/Promocao_Noticias_.aspx?MessageID={3afc422f-5dde-4f1e-b9d2-b3bf64928fc3}

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *