//Aveiro, Sabores com Tradição

Aveiro, Sabores com Tradição

De 6 a 13 de janeiro, município apresenta a diversidade de produtos endógenos da região.

Quando se fala em Aveiro, a grande maioria das pessoas pensa em ‘ovos moles’ e com toda a razão pois é este o produto gastronómico mais popular. No entanto este município tem uma variada oferta de iguarias tradicionais associadas à ria, com destaque para as enguias fritas, em ensopado, de caldeirada ou com um apurado escabeche, mas também os mexilhões, as amêijoas e as ostras.

A oferta de peixes de mar é diversificada e inclui, apenas como exemplo, o linguado, a raia, a petinga, o robalo ou a dourada para além, claro, do bacalhau que, como sabemos tem hoje na região o seu principal centro de preparação.

Nas sobremesas, para além dos já referidos e incontornáveis ovos moles conte-se, entre outros, com os bilharacos, arroz doce, aletria, leite-creme, castanhas de ovos e cavacas.

Claro que, para além das propostas culinárias tradicionais, serão também apresentadas pelos restaurantes aderentes criações contemporâneas, nomeadamente a chamada cozinha de autor, com utilização privilegiada de produtos como as algas, a salicórnia, a flor de sal e algum destaque para as conservas.

Os preços, nos 25 restaurantes que participam nesta edição, vão dos 10€ aos 30€, com o valor mais baixo a corresponder ao ‘menu prova’, pensado para os finais de dia e constituídos por dois petiscos harmonizados com um copo de vinho ou de espumante da Bairrada.

Esta opção é apresentada por quatro unidades de restauração: Cais da Tosca, À Portuguesa, Quatro Nós e Cais do Pescado. Aqui podem encontram-se, por exemplo, as fritadinha de pastéis de bacalhau, carapauzinhos, ovas de bacalhau e mexilhões em cama de açorda de coentros, gratinados com mozarella ou em vinagrete”, como se refere em comunicado.

O festival gastronómico ‘Aveiro, Sabores com Tradição’, decorre de 6 a 13 de Janeiro e é uma iniciativa do município aveirense cujo presidente, Ribau Esteves, sublinha que este evento tem como principal objetivo “a divulgação da gastronomia tradicional aveirense, num momento único no ano”, em que se celebra “o Natal, o Ano Novo e a festa em honra de São Gonçalinho”.