ASAE encerrou 80 restaurantes em três meses

Por falta de higiene e não cumprimento das regras, 80 restaurantes foram encerrados pela ASAE, só nos primeiros três meses de 2017.

Se atentarmos na ação da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) desde 2015, nesta área de atividade, conclui-se que foram encerrados desde o início do ano referido, 747 estabelecimentos de restauração e bebidas.

De acordo com a informação cedida pela ASAE ao Jornal de Notícias (JN), em média, verificou-se um encerramento de um estabelecimento deste tipo por dia tendo em conta que em 2015 foram encerrados 370, no ano seguinte 297 e, como já referimos, nos primeiros três meses de 2017, já fecharam 80.

Com a falta de higiene e o não cumprimento de regras a constituírem os principais problemas detetados, refira-se ainda que os números revelados não contabilizam os nove estabelecimentos que fecharam há cerca de duas semanas em Fátima, Aveiro e Lisboa, no âmbito da operação Centenário das Aparições.

Tendo em conta a informação revelada pelo JN, entre 2015 e 2016, no setor da restauração e bebidas, foram fiscalizados cerca de 20.700 estabelecimentos, aos quais se acrescenta mais 2.400 no primeiro trimestre de 2017.

Como principais infrações do ramo alimentar, de que resultaram a instauração de 1096 processos-crime e 5453 multas, destacam-se “o incumprimento dos requisitos de higiene, a falta de implementação de um plano HACCP, a não realização das comunicações prévias exigidas, inobservância dos requisitos das cozinhas, copas e zonas de fabrico e não cumprimento de regras de comercialização», revelou fonte da ASAE ao JN.

A ASAE conta atualmente com 234 inspetores, número que representa mais 13 que em 2015, com a segurança alimentar a representar mais de metade do total de estabelecimentos fiscalizados.

Fonte: Jornal Económico

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *