//7 Maravilhas “sentam” Portugal à Mesa

7 Maravilhas “sentam” Portugal à Mesa

Vinhos, pratos e petiscos, roteiros, eventos e experiências eno-gastronómicas vão fazer as “mesas”a concurso.

7 Maravilhas à Mesa é o tema da eleição para 2018, a 7ª realizada em Portugal, num projeto que foi apresentado pela organização em Reguengos de Monsaraz, mais precisamente em São Lourenço do Barrocal, com vista para Monsaraz, aldeia eleita como uma das 7 Maravilhas de Portugal em 2017.

“Era inevitável que as 7 Maravilhas acabassem por entrar no território dos vinhos, que são fator diferenciador incontornável na promoção de Portugal além fronteiras, e regressar ao universo da gastronomia, que já elegemos em 2011 e que agora abre todo um novo leque de oportunidades de promoção ao ser aliado aos vinhos e aos roteiros e experiências que tornam a nossa mesa única no mundo”, referiu Luis Segadães, presidente das 7 Maravilhas que na área do vinho conta com a colaboração da AMPV – Assopciação de Municípios Portugueses do Vinho.

O processo de eleição segue o percurso de anos anteriores, com a votação de um painel de especialistas na lista longa de candidaturas, de onde vai resultar uma lista de 49 pré-finalistas, 7 de cada região.
São estas 49 mesas pré-finalistas que vão ser votadas pelo público, para eleger as 7 Maravilhas à Mesa®, uma mesa por cada uma das 7 grandes regiões de Portugal, num roteiro único.

As candidaturas a concurso serão as “mesas”, mas num conceito alargado, que inclui o melhor que uma região tem para oferecer: os seus pratos, vinhos, pão, azeite ou queijos, mas também aquilo que pode ser experienciado, como um evento, uma adega, um lagar, um museu ou um percurso pedestre.

Cada região vai escolher 7 patrimónios, que incluem comidas, vinhos e uma escolha na área do turismo. Esta escolha será chamada “Mesa de (nome do lugar, aldeia, vila, cidade, restaurante ou hotel)” e disputará com mesas de todas as regiões de Portugal, o título de Maravilha. Cada candidatura será composta por 7 patrimónios à escolha, devendo obrigatoriamente incluir um património de cada categoria: Gastronomia; Vinhos e Azeites; e Roteiro Turístico.

No lançamento oficial, na Herdade de São Lourenço do Barrocal (Reguengos de Monsaraz), foi apresentada uma ‘mesa’, preparada pelo Chefe José Júlio Vintém para ser apresentada a concurso, composta por:

Gastronomia:
– Petisco: Perdiz de Escabeche
– Prato de Peixe: Lúcio-Perca (peixe do Alqueva) com migas de poejo
– Prato de Carne: Vitela orgânica São Lourenço do Barrocal no forno, com puré de batata doce e legumes grelhados da nossa horta

Vinhos e Azeites:
– Vinho Branco 2014 São Lourenço do Barrocal
– Vinho Tinto Reserva 2012 São Lourenço do Barrocal
– Azeite monovarietal de azeitona galega São Lourenço do Barrocal
Roteiros:
– Unidade hoteleira: São Lourenço do Barrocal

Saiba mais em: http://7maravilhas.pt/