//14 de fevereiro NÃO é dia de S. Valentim

14 de fevereiro NÃO é dia de S. Valentim

Mas este continua a ser o ‘Dia dos Namorados’. Porque o amor é mais forte?

Há uma lenda que justifica a ligação de S. Valentim ao Dia dos Namorados. Mas este santo deixou de ser aceite e portanto celebrado pela Igreja Católica em 1969, precisamente por não se conseguir comprovar a tal lenda.
Mas vamos ao que se conta:

Valentim terá sido o primeiro bispo da cidade italiana de Terni e nessa condição apoiava os jovens no que respeita ao matrimónio, contra a ordem do imperador, que os impedia de casar, porque os queria livres para servirem no exército romano. Porque o bispo insistia, chegando mesmo a celebrar casamentos em segredo, acabou por ser preso por ordem do imperador Aureliano e morto, precisamente a 14 de fevereiro de 273.

Mas a história complica-se com notícias da existência de outro Valentim a viver em Itália no mesmo período, o padre Valentim de Roma, que também morreu mártir no século III.

Como se não bastasse, há referências a um terceiro São Valentim, um mártir que morreu em África e que também se celebrava a 14 de fevereiro.

Para acabar com as confusões, a igreja Católica decidiu, em 1969, deixar de reconhecer o tal S. Valentim.
Mas o amor foi mais forte. Ou será que o que foi mais forte foi a força do negócio que hoje se faz no mundo, a propósito do ‘Dia dos Namorados’?

São flores e muitos outros presentes, são jantares românticos que podem incluir noites especiais nos hotéis, motéis ou, sabe-se lá, no banco de trás do carro. São, na verdade, muitos apelos ao consumo embora a palavra amor surja sempre associada a este dia de S. Valentim, ou melhor, simplesmente ‘Dia dos Namorados’.

Vejamos algumas curiosidades sobre este dia:

No ‘Relatório do Amor’ de 2018 divulgado pela Google com as principais tendências de pesquisa dos utilizadores no dia 14 de fevereiro fica a saber-se que o número de pessoas que pesquisa a palavra Love no Google Tradutor duplica.
Na maioria dos países, o verbo “beijar” é sete vezes mais pesquisado do que o verbo “abraçar”. Outras questões mais pesquisadas são: “Como beijar uma rapariga?”, “Como beijar um homem?” e “Como beijar alguém?”. A Google também revela que, a seguir ao Natal, esta é a altura com mais pesquisas sobre “presentes para”.

Pelo mundo

No Brasil o ‘Dia dos Namorados’ é assinalado a 12 de junho, véspera do dia de Santo António, o santo casamenteiro português.

No Japão as mulheres compram chocolates aos parceiros, com sabor específico ao tipo de relação. Um mês depois, a 14 de março, os homens presenteiam as suas companheiras com chocolate branco, no chamado “ Dia Branco”.

Na Coreia do Sul, seguem o mesmo ritual seguido no Japão, mas no dia 14 de abril, os solteiros vestem-se de preto, no ‘Dia Preto’ e reúnem-se para jantar.

Na Argentina, a celebração estende-se por sete dias, com a ‘Semana de la Dulzura’ – Semana da Doçura, entre os dias 1 e 7 de julho.

Na Finlândia o 14 de fevereiro é de ‘Dia dos Amigos’ e não Dia dos Namorados.